Dor-escapula-tratar-dor-Goiania

Dor na escápula: onde tratar dor na escápula em Goiânia

As causas para a dor na escápula podem ser muitas, como por exemplo, a fibromialgia, lesões musculares, escápula alada ou ainda bursite.

Atualmente, todas essas têm tratamento, mas para saber o jeito certo de resolver o problema é preciso reconhecer o que causa a sua dor na escápula.

A escápula é um osso localizado na parte das costas bem abaixo dos ombros, sendo fácil de reconhecer pois é a parte proeminente nas costas. Junto com o ombro ela tem a função de permitir o movimento dos braços e ainda oferece suporte e estabilidade para os ombros.

Você pode notar essa dor em alguns movimentos do braço, mas é preciso ficar atento a algumas coisas, para verificar se é isso mesmo e realizar o tratamento especializado.

Então, para você ficar por dentro, conheça agora os principais motivos.

Dor na escápula causada pela bursite

Bem próximo das escápulas nosso corpo tem bolsas chamadas de bursas, onde essas bursas são responsáveis por amenizar o impacto dos movimentos do osso.

Nesse sentido, às vezes ocorrem inflamações nas bursas, chamadas de bursite, e quando isso acontece a dor na escápula é bem comum.

Os sintomas mais comuns da bursite são a dor na escápula e dor nos ombros, principalmente nos dias mais frios. Essa dor é intensa e aguda, que pode surgir e desaparecer sem explicação.

Para tratar a bursite em casa você pode fazer uso de gel muscular na região duas vezes ao dia com massagem durante a aplicação.

Dor na escápula causada pela fibromialgia

Fibromialgia é uma doença conhecida pela dor em diversos locais do corpo, sendo um problema reumático que atinge todo o organismo.

Dessa forma, é bem comum ver relatos de dor na escápula, cansaço, dormência no braço ou perna e ainda cansaço excessivo.

No caso da fibromialgia apenas um médico reumatologista é capaz de identificar o problema e assim definir o tratamento correto para as dores.

No entanto, vale lembrar que ainda não existe cura para a fibromialgia, mas o tratamento correto pode ajudar a diminuir as crises de dor.

Assim, o ideal é quando você sentir os primeiros sintomas, sempre procurar um suporte médico o mais breve possível.

Então, não deixe para depois, uma vez que isso pode se intensificar e piorar a situação.

A fibromialgia é tratada com anti-inflamatórios, relaxantes musculares e sessões de fisioterapia com técnicas de ultrassom e TENS.

Dor na escápula causada por lesões musculares

A lesão muscular não afeta diretamente a escápula, mas sim os músculos que a envolvem. É através desses músculos que a escápula atua junto com o ombro no movimento dos braços.

Para as dores musculares o tratamento quase sempre é mais simples, gel relaxante muscular ou medicamentos mais leves já resolvem o problema.

Assim, em alguns dias a dor some sem deixar rastros, e normalmente acontece após um esforço mais intenso.

Se a dor persistir e for muito forte o indicado é procurar ajuda médica para que o ortopedista possa diagnosticar o verdadeiro problema, com altas chances de ser dor na escápula.

E, para esses casos mais graves, o ideal é não fazer uso de nenhum medicamento antes de consultar o profissional.

Dor na escápula causada por problemas hepáticos

Pode parecer estranho, mas existe uma relação entre a dor na escápula e problemas relacionados ao fígado e vesícula biliar.

Nesse sentido, em casos de hepatite, abcessos, pedra na vesícula e câncer, a dor na escápula é um dos sintomas.

Mas, claro que nem toda dor na escápula é sinal de problemas sérios no fígado, por isso é preciso analisar outros sintomas.

Por exemplo, você consegue notar essa dor mais presente na escápula direita, acompanhado com um amarelado na pele.

Além disso, o paciente ainda pode apresentar diarreia, febre, enjoo e dor na parte direita das costas. Todos esses sintomas juntos podem ser sinal de um problema mais grave que precisa ser investigado.

Por fim, vale lembrar que você não deve fazer o uso de nenhum medicamento sem consultar um médico, pois o fígado pode ser ainda mais afetado pela ação dos remédios.

O melhor é procurar um especialista em dores crônicas e assim descobrir qual a verdadeira causa.

Como evitar a dor na escápula?

Para a dor na escápula causada por questões simples existem algumas dicas que vão te ajudar a evitar o problema.

Cuide da postura

Ao longo do dia nossa preocupação com a postura correta vai diminuindo e isso pode ser uma das causas para a sua dor na escápula.

Quando estamos com a coluna muito torta ou com os braços levantados para alcançar o teclado a escápula pode começar a doer.

Se você trabalha sentado é preciso investir em uma cadeira mais adequada para a coluna e também pensar na altura da sua mesa.

Essa combinação de fatores vai te ajudar a manter uma boa postura e evitar a dor na escápula.

Evite passar longos períodos sentado

Se você trabalha o dia todo, tenha muito cuidado com longos períodos sentados, uma vez que isso pode lhe trazer complicações.

Para ajudar existem sistemas de cronômetro online que indicam o tempo de trabalho e o tempo de pausa.

Pode parecer perda de tempo fazer várias pausas ao longo do dia, porém a realidade é que já está comprovado que esse sistema aumenta a produtividade.

Além disso, ele ajuda a evitar muitas horas sentadas, sempre que o intervalo começar fique em pé e se possível andando pelo ambiente.

Pratique atividades físicas

Os exercícios físicos ajudam a fortalecer a musculatura da escápula e ainda corrigem problemas de postura.

Assim, praticar atividades regularmente pode te ajudar a evitar a dor na escápula e em alguns casos, até reduzir a dor já existente.

Você pode escolher a atividade que mais gostar e se possível realizar algum exercício de fortalecimento muscular.

Os efeitos são muito positivos, não apenas para a dor na escápula, mas para toda a sua vida.

Considerações finais

Agora que você conhece as principais informações a respeito da dor na escápula, não deixe de realizar o tratamento correto, evitando maiores problemas.

Procure sempre um médico especialista em dor, e garanta a saúde e bem estar do seu corpo.

 

Gostou do artigo? Compartilhe!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Dr. Pedro Paulo Prudente

Dr. Pedro Paulo Prudente

Non magnis fermentum felis iaculis et sed. Tincidunt himenaeos sollicitudin massa pharetra arcu id. Consectetuer dis malesuada tellus vivamus habitasse torquent enim bibendum dictumst. Gravida molestie neque dignissim consectetur mi sem taciti sagittis. Vehicula amet habitasse per purus. Lorem sed tortor quisque luctus posuere vulputate

medico-acupuntura-coe-goiania-dr-pedro-paulo-prudente

Dr. Pedro Paulo Prudente

Dr. Pedro Paulo Prudente é um médico especialista em tratamento interdisciplinar da dor. Graduado em Medicina pela Universidade Federal de Goiás, com o título de Especialista em Acupuntura pela Faculdade Brasileira de Medicina. A Acupuntura vem da China Antiga, onde especialistas encontraram alívio da dor estimulando zonas específicas ao longo de caminhos energéticos chamados Meridianos, que ligam todos os nossos órgãos e sistemas, permitindo uma abordagem mais holística da saúde e do bem-estar.